Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufmt.br/handle/1/1132
Tipo documento: Dissertação
Título: Detecção molecular e sorológica de Ehrlichia spp. em felinos domésticos da região metropolitana de Cuiabá, Brasil
Autor(es): Braga, Ísis Assis
Orientador(a): Aguiar, Daniel Moura de
Coorientador: Sousa, Valéria Régia Franco
Membro da Banca: Aguiar, Daniel Moura de
Membro da Banca: Pacheco, Richard de Campos
Membro da Banca: Santarém, Vamilton Alvares
Resumo : A erliquiose é uma doença de distribuição mundial, causada pelas Rickettsias Ehrlichia spp.. É considerada endêmica em cães de várias regiões do Brasil, porém em felinos essa informação é desconhecida e poucos estudos foram realizados até o momento no país. Com o intuito de detectar a presença de infecção por Ehrlichia spp. em gatos da região metropolitana de Cuiabá, Mato Grosso, foram coletadas amostras de sangue de uma população de 212 indivíduos da região e submetidos a Reação de Imunofluorescência Indireta (RIFI) para Ehrlichia spp. e a Reação em Cadeia pela Polimerase (PCR) visando a amplificação de um fragmento de 409 pb do gene dsb de Ehrlichia. Dos animais avaliados 88 (41,5%) foram soropositivos pela RIFI e 20 (9,4%) foram positivos pela PCR. Sequências parciais de DNA obtidas a partir dos produtos da PCR foram idênticas às sequências de E. canis depositadas no GenBank. Doze gatos foram positivos em ambos testes molecular e sorológico. Testes de associação baseados nas alterações clínicas e laboratoriais de uma parcela da população estudada demonstraram que gatos soropositivos apresentaram palidez de mucosas e baixas contagens de eritrócitos como variáveis associadas (p ≤ 0,05). No momento da coleta de sangue não foi visualizado infestação por carrapatos nos animais. O presente estudo complementa a demanda de trabalhos nesta espécie, relatando pela primeira vez a detecção molecular e sorológica de E. canis em gatos da região metropolitana de Cuiabá, região CentroOeste do Brasil.
Resumo em lingua estrangeira: Ehrlichiosis is a disease of worldwide distribution, caused by the rickettsial agent Ehrlichia spp.. The occurrence in dogs is considered endemic in several regions of Brazil. However, this information in cats is unknown and few studies have been performed to date in Brazil. In order to detect the presence of Ehrlichia spp. in cats from the metropolitan area of Cuiabá, Mato Grosso state, blood and serum samples were collected from a regional population of 212 individuals and tested by Immunofluorescence Assay (IFA) and the Polymerase Chain Reaction (PCR) designed to amplify a 409 bp fragment of the dsb gene. Eighty-eight (41.5%) animals were seropositive by IFAT and 20 (9.4%) were PCR positive. Partial sequences of DNA obtained from PCR products were identical to the GenBank E. canis sequences. Twelve cats were positive in both molecular and serological tests. Association tests, based on clinical and laboratory findings of a partial evaluated population, showed that seropositive cats presenting pale mucous membranes and lower counts of erythrocytes as associated variables (p ≤ 0.05). Tick infestation was not observed at blood collection. This study complements the demand for more information on this species, reporting the presence and the first molecular and serological detection of E. canis infection in cats from the metropolitan area of Cuiabá, Midwest region in Brazil.
Palavra-chave: Carrapatos
Erliquiose
Felinos
PCR
RIFI
Palavra-chave em lingua estrangeira: Ticks
Ehrlichiosis
Cats
PCR
IFA
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUC - Cuiabá
Departamento: Faculdade de Agronomia, Medicina Veterinária e Zootecnia (FAMEVZ)
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias
Referência: BRAGA, Ísis Assis. Detecção molecular e sorológica de Ehrlichia spp. em felinos domésticos da região metropolitana de Cuiabá, Brasil. 2013. 47 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal de Mato Grosso, Faculdade de Agronomia, Medicina Veterinária e Zootecnia, Cuiabá, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ri.ufmt.br/handle/1/1132
Data defesa documento: 28-Feb-2013
Aparece na(s) coleção(ções):CUC - FAMEVZ - PPGVET - Dissertações de mestrado

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISS_2013_Isis Assis Braga.pdf1.14 MBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.