Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufmt.br/handle/1/1209
Tipo documento: Dissertação
Título: Mudanças espaço-temporais de variáveis limnológicas e sua influência sobre o bacterioplâncton de uma represa em área agrícola
Autor(es): Malheiros, Carolina Hortêncio
Orientador(a): Hardoim, Edna Lopes Hardoim
Coorientador: Lima, Zoraidy Marques de
Membro da Banca: Hardoim, Edna Lopes
Membro da Banca: Morais, Eduardo Beraldo de
Membro da Banca: Dalla Villa, Ricardo
Resumo : No presente estudo avaliou-se espaço-temporalmente aspectos limnológicos de uma represa, bem como a influência dos fatores abióticos sobre a distribuição e abundância de bactérias heterotróficas e Pseudomonas em uma das nascentes do rio São Lourenço (Campo Verde/MT) que foi represada e está inserida em área agrícola. As bactérias heterotróficas e Pseudomonas foram quantificadas por meio das técnicas de pour plate e spread plate, respectivamente, sendo as Pseudomonas isoladas e submetidas à análise molecular com vistas a verificar a diversidade dessas bactérias na represa. As variáveis bióticas (bactérias heterotróficas, Pseudomonas e clorofila-a) e abióticas (precipitação, temperatura da água e do ar, condutividade elétrica, oxigênio dissolvido, pH, turbidez, fósforo total, nitrito, nitrato e nitrogênio amoniacal) foram avaliadas por meio de correlação de Spearman (r), análise de cluster e análise de componentes principais em três pontos amostrais da represa e na coluna d’água, bimestralmente, durante o ano de 2010, visando verificar a correlação entre as variáveis bióticas e abióticas e quais delas mais explicam as variações dos dados entre os diferentes pontos de amostragem, profundidade da represa e períodos de observação. A partir dos dados de clorofila-a e fósforo total avaliou-se o índice de estado trófico (IET) da represa. Os resultados indicam que as variáveis fósforo total, pH e oxigênio dissolvido em alguns pontos e meses de coleta estavam em desacordo com as recomendações estabelecidas pela Resolução CONAMA 357/05 para rios de Classe II. O IET utilizado demostrou a importância de um acompanhamento efetivo do estado limnológico da represa, uma vez que a mesma se encontra eutrofizada. As análises estatísticas indicaram correlação entre algumas variáveis como precipitação, bactérias heterotróficas, temperatura da água, condutividade elétrica, cor aparente, turbidez e fósforo total indicando a influência da sazonalidade em áreas agrícolas. Foram isoladas 112 estirpes de Pseudomonas das quais 60 foram submetidas a análises filogenéticas por BOX-PCR. A análise molecular apresentou similaridade ≥ 70 % na maioria dos isolados entre os pontos amostrais, indicando um possível predomínio de uma espécie de Pseudomonas, uma vez que dos 60 isolados submetidos à análise molecular, 44 possuíam similaridade. Desses 44 isolados 28 compõem as amostras da interface sedimento-água. O fator sazonalidade não interferiu nos grupos de Pseudomonas similares, sendo que 21 dos isolados pertencem ao período de seca e 23 ao chuvoso. No entanto, nota-se entre os 16 dissimilares que 13 são isolados do período chuvoso e 3 do período de estiagem, evidenciando que a sazonalidade pode interferir na diversidade de algumas espécies de Pseudomonas. A análise molecular mostrou-se uma ferramenta importante na caracterização da diversidade de Pseudomonas, dos seus aspectos ecológicos e das influências sazonal e antrópica. Observou-se que as variações entre os pontos amostrais são mais significativas do que na coluna d’água para a maioria das variáveis analisadas, provavelmente devido as características particulares de cada ponto amostral e por se tratar de uma represa com pouca profundidade.
Resumo em lingua estrangeira: In this study we evaluated spatial and temporally limnological aspects of a dam, as well as the influence of abiotic factors on distribution and abundance of heterotrophic bacteria and Pseudomonas in one of the headwaters of the St. Lawrence River (Campo Verde / MT) which was dammed and is inserted in the agricultural area. Heterotrophic bacteria and Pseudomonas were quantified by using the techniques of pour plate and spread plate, respectively. The isolated Pseudomonas were subjected to molecular analysis in order to ascertain the diversity of these bacteria in the reservoir. The biotic (heterotrophic bacteria, Pseudomonas and chlorophyll-a) and abiotic factors (precipitation, temperature, water and air, electrical conductivity, dissolved oxygen, pH, turbidity, total phosphorus, nitrite, nitrate and ammonium) were evaluated by Spearman correlation (r), cluster analysis and principal component analysis of the dam three sampled points, and the water column, every two months during the year 2010, order to verify the correlation between the biotic and abiotic variables and which of them most of the variations between different data sampling points, depth of the dam and observation periods. From the data of chlorophyll-a and total phosphorus it was possible to determine the trophic state index (IET) of the dam. The results indicated that the following variables - total phosphorus, pH, and DO disagreed with the recommendations established by CONAMA 357/05 considering the rivers classification system for Class II. The IET used allowed to evaluate the trophic state of the dam, since it is eutrophic. Statistical analysis indicated strong correlation between variables such as precipitation, heterotrophic bacteria, water temperature, electrical conductivity, apparent color, turbidity, and total phosphorus indicating the influence of seasonality in agricultural areas. We isolated 112 strains of Pseudomonas of which 60 were subjected to phylogenetic analysis of BOX-PCR. Molecular analysis showed similarity ≥ 70% in most isolates among the sites, indicating a possible predominance of one species of Pseudomonas, since the 60 isolates subjected to molecular analysis, 44 had similarity. Of these 44 isolates comprising 28 samples of sediment-water interface. The seasonal factor didn’t interfere with similar groups of Pseudomonas, and 21 of the isolates belong to the dry season and 23 during the wet season. However, there is between 16 to 13 are dissimilar isolated from three of the rainy season and dry season, indicating that the seasonality may affect the diversity of some species of Pseudomonas. Molecular analysis proved to be an important tool in characterizing the diversity of Pseudomonas, and ecological aspects of seasonal and anthropogenic influences. It was observed that the variations among the sampling points are more significant than in the water column for most variables, probably due to particular characteristics of each sample point and because it is a dam with little depth.
Palavra-chave: Atividades agrícolas
Recursos hídricos
Mato Grosso
Palavra-chave em lingua estrangeira: Agricultural
Water resources
Mato Grosso
CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA SANITARIA::RECURSOS HIDRICOS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUC - Cuiabá
Departamento: Faculdade de Arquitetura, Engenharia e Tecnologia (FAET)
Programa: Programa de Pós-Graduação em Recursos Hídricos
Referência: MALHEIROS, Carolina Hortêncio. Mudanças espaço-temporais de variáveis limnológicas e sua influência sobre o bacterioplâncton de uma represa em área agrícola. 2011. 91 f. Dissertação (Mestrado em Recursos Hídricos) - Universidade Federal de Mato Grosso, Faculdade de Arquitetura, Engenharia e Tecnologia, Cuiabá, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ri.ufmt.br/handle/1/1209
Data defesa documento: 17-May-2011
Aparece na(s) coleção(ções):CUC - FAET - PPGRH - Dissertações de mestrado

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISS_2011_Carolina Hortêncio Malheiros.pdf2.29 MBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.