Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufmt.br/handle/1/632
Tipo documento: Dissertação
Título: Cadernos de planejamento docente : um olhar para as práticas alfabetizadoras na educação infantil (2000-2013)
Autor(es): Aquino, Andréa Cristina Nassar de
Orientador(a): Cardoso, Cancionila Janzkovski
Membro da Banca: Cardoso, Cancionila Janzkovski
Membro da Banca: Amâncio, Lázara Nanci de Barros
Membro da Banca: Peres, Eliane Teresinha
Membro da Banca: Rodrigues, Sílvia de Fátima Pilegi
Resumo : Esta pesquisa, realizada no interior do Grupo de Pesquisa Alfabetização e Letramento Escolar (ALFALE), tem como objetivo principal analisar catorze cadernos de planejamento de uma professora alfabetizadora, utilizados entre 2000 e 2013, com vistas a identificar permanências e mudanças nas práticas pedagógicas iniciais de alfabetização. A investigação se situa numa perspectiva da História Cultural uma vez que, para essa perspectiva, objetos comuns também guardam consigo características ou registros de uma época que se transformam em ricas fontes históricas, e que o estudo do passado, através dessas fontes, nos possibilita refletir sobre a nossa própria realidade e sobre a realidade do mundo que nos cerca. Na história da educação, a busca por estes arquivos está sendo cada vez mais frequente nas últimas décadas. Essa abordagem de interrogar e analisar o “como fazer”, consolidou um território profícuo para pesquisar como a cultura e os saberes se constroem no interior das escolas, e também como as pessoas absorvem e produzem essa cultura. Para fundamentar este trabalho, foram utilizados autores como Le Goff (1996), Chartier (2000), Mignot (2008), Gvirtz (1999), entre outros. Os cadernos escolares são fontes documentais que geram informações sobre o cotidiano escolar e sobre o processo de ensino-aprendizagem. Embora haja diferentes modelos e formas de uso, os cadernos são importantes documentos que se entrecruzam com a história da educação, podem trazer a riqueza de uma história arquivada entre as páginas que revelam as práticas pedagógicas da professora ao longo do tempo. Conduzimos a investigação para a reconstrução desse processo com uma análise acerca das próprias fontes e com a realização de depoimentos orais pela professora. Houve, também, um olhar sobre cadernos e folhas avulsas de seus alunos, na intenção de proporcionar maior enriquecimento dos dados das fontes. A análise se pautou nas seguintes categorias: a) Elementos paratextuais; b) Estrutura organizacional dos planejamentos; c) Contação de história e/ ou leitura de histórias; d) Interdisciplinaridade como opção metodológica; e) Atividades de leitura e escrita; f) O trabalho com diferentes gêneros textuais. Os resultados evidenciam, por um lado, a importância das fontes pesquisadas, os cadernos de planejamento, mostrando como, nestes registros, pode-se ler vários aspectos da cultura escolar e, assim, oferecendo-nos a oportunidade de conhecer um pouco da prática pedagógica dos autores desses manuscritos. Por outro lado, comprovaram que ocorreram mudanças na forma de trabalhar a língua materna, sendo que a professora investigada atribuiu, a cada ano, uma importância maior ao processo de alfabetização, entendido por ela como apropriação do sistema de escrita alfabética, por meio da intensificação na quantidade de tarefas e trabalho de forma interdisciplinar, promovendo, assim, o letramento. Segundo a professora, esses resultados foram obtidos com a formação contínua de professores no decorrer da sua carreira. Foram observadas algumas permanências, mas as mudanças foram em maior quantidade, considerando as categorias que elegemos para analisar.
Resumo em lingua estrangeira: This survey, conducted within the Literacy and Literacy School Research Group (ALFALE), aims to analyze fourteen books planning a literacy teacher, used between 2000 and 2013, in order to identify continuities and changes in initial pedagogical practices literacy. The investigation is located in a perspective of Cultural History since, to this perspective, common objects can also keep records or features of an era that become rich historical sources, and that the study of the past, from such sources, enables us to reflect about our own reality and the reality of the world around us. In the history of education, the search for these files is being increasingly used in recent decades. This approach to question and analyze the "how to" consolidated a fruitful area for research as culture and knowledge are built within schools, and also how people absorb and produce this crop. To support this work, the authors were used as Le Goff (1996) Chartier (2000), Mignot (2008), Gvirtz (1999), among others. The school notebooks are documentary sources that generate information about the daily school and the teaching-learning process. Although there are different models and usage, notebooks are important documents that are interwoven with the history of education, can bring the richness of a story filed between pages that reveal the pedagogical practices of the teacher over time. We conduct research for the reconstruction of this process with an analysis of their sources and the holding of oral testimony by the teacher. There was also a look at notebooks and loose sheets of his students in an attempt to provide greater enrichment of data sources.The analysis was based on the following categories: or) paratextuals elements; b) Organizational structure of the planning; c) storytelling and / or reading stories; d) Interdisciplinarity as a methodological option; e) reading and writing activities; f) Work with different genres. The results show, first, the importance researched sources, the contract planning, showing how these records, you can read various aspects of school culture and thus offering us the opportunity to meet some of the pedagogical practice the authors of these manuscripts. On the other hand, proved that there were changes in the way work the mother tongue, and the teacher investigated awarded each year, more importance to the literacy process, understood by her as ownership of the alphabetic writing system, through enhanced the amount of tasks and work in an interdisciplinary manner, thus promoting literacy. According to her, these results were obtained with the training of teachers in the course of his career. Some constants were observed, but the changes were in greater quantity, considering the categories we choose toanalyze.
Palavra-chave: História da alfabetização
Cadernos escolares
Práticas de alfabetização
Palavra-chave em lingua estrangeira: Literacy history
School notebooks
Literacy practices
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUR - Rondonopólis
Departamento: Instituto de Ciências Humanas e Sociais (ICHS) – Rondonópolis
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação - Rondonópolis
Referência: AQUINO, Andréa Cristina Nassar de. Cadernos de planejamento docente: um olhar para as práticas alfabetizadoras na educação infantil (2000-2013). 2015. 165 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Rondonópolis, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ri.ufmt.br/handle/1/632
Data defesa documento: 24-Mar-2015
Aparece na(s) coleção(ções):CUR - ICHS - PPGEdu - Dissertações de mestrado

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISS_2015_Andrea Cristina Nassar de Aquino.pdf3.82 MBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.