Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufmt.br/handle/1/779
Tipo documento: Dissertação
Título: O movimento LGBT em Mato Grosso : trajetória, agenda e estratégias na luta por direitos
Autor(es): Freire, Suzi Mayara da Costa
Orientador(a): Queiróz, Imar Domingos
Membro da Banca: Queiróz, Imar Domingos
Membro da Banca: Velasco, Erivã Garcia
Membro da Banca: Lopes, Moisés Alessandro de Souza
Resumo : A presente dissertação buscou analisar a trajetória sócio-histórica do Movimento LGBT em Mato Grosso procurando identificar: os principais acontecimentos que motivaram sua emergência na cena pública, os (as) sujeitos (as) envolvidos na sua constituição, as questões contidas na sua agenda, suas principais reivindicações e estratégias de luta. Gênero e movimentos sociais foram as categorias teóricas delimitadas para subsidiar a análise do Movimento. A pesquisa recorreu a entrevistas semi-estruturadas com militantes do Movimento, consultas a fontes documentais e consultas na internet para levantamento das organizações LGBT existentes no estado. A análise dos dados revelou que as primeiras manifestações do Movimento LGBT em Mato Grosso ocorrem a partir de meados da década de 1990, com a criação da primeira organização LGBT. Na reconstituição da trajetória Movimento foi possível identificar vários espaços/formas a partir dos quais se organizam a população LGBT. Desde espaços mais formais como as ONGs a espaços mais informais como os coletivos LGBT. A partir de 2004 observamos a segmentação do Movimento por identidades. A agenda do Movimento se modificou no decorrer do período analisado. Nos anos iniciais, a luta contra a AIDS e a organização política de população LGBT têm centralidade na sua agenda. Contudo, a partir da primeira década do século XXI, a luta por direitos e pela implementação de políticas públicas de proteção e promoção dos direitos humanos da população LGBT passam a ter hegemonia na agenda. Não se trata, porém, de um processo linear e cumulativo, muitas das questões iniciais ainda permanecem da agenda do Movimento, como a luta contra a violência, que atualmente se expressa através da luta contra a homofobia. Pontuamos as conquistas e desafios do Movimento, e por fim, apresentamos perspectivas para a efetivação de direitos, destacando a relevância da articulação de lutas pelo reconhecimento as diferenças com as lutas pela universalização dos direitos.
Resumo em lingua estrangeira: This dissertation sought to analyze the socio-historical trajectory of the LGBT Movement in Mato Grosso seeking to identify: the main events that led to their emergence on the public scene, the individuals (those) involved in its formation, the matters contained in his book, their main demands and control strategies. Gender and social movements were defined to support the analysis of the Movement theoretical categories. The research relied on semi-structured interviews with militants of the Movement, the documentary sources consultations and consultations on the Internet to survey existing LGBT organizations in the state. Data analysis revealed that the first manifestations of the LGBT Movement in Mato Grosso occur from mid-1990s with the creation of the first LGBT organization. In reconstructing the trajectory Movement was possible to identify several spaces / shapes from which to organize the LGBT population. Since more formal settings such as NGOs to more informal spaces as LGBT collectives. From 2004 shows the segmentation of the Movement for identities. The agenda of the Movement has changed during the period. In the early years, the fight against AIDS and the political organization of LGBT people have centrality in its agenda. However, from the first decade of this century, the struggle for rights and the implementation of public policies for the protection and promotion of human rights of LGBT people now have hegemony on the agenda. It is not, however, a linear and cumulative process, many of the initial questions still remain of the Movement agenda, such as the fight against violence, which is currently expressed through the fight against homophobia. We pointed out the achievements and challenges of the Movement, and finally, we present prospects for the realization of rights, highlighting the relevance of the joint struggles for recognition of the differences with the struggle for universal rights.
Palavra-chave: Movimento LGBT
Movimentos sociais
Gênero
Palavra-chave em lingua estrangeira: LGBT movement
Social movements
Gender
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUC - Cuiabá
Departamento: Instituto de Ciências Humanas e Sociais (ICHS)
Programa: Programa de Pós-Graduação em Política Social
Referência: FREIRE, Suzi Mayara da Costa. O movimento LGBT em Mato Grosso: trajetória, agenda e estratégias na luta por direitos. 2014. 180 f. Dissertação (Mestrado em Política Social) - Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Cuiabá, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ri.ufmt.br/handle/1/779
Data defesa documento: 30-Sep-2014
Aparece na(s) coleção(ções):CUC – ICHS – PPGPS – Dissertações de mestrado

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISS_2014_Suzi Mayara da Costa Freire.pdf1.01 MBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.