Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufmt.br/handle/1/791
Tipo documento: Dissertação
Título: Prevalência de doenças crônicas não transmissíveis e fatores associados entre servidores da UFMT, Campus – Cuiabá-MT
Autor(es): Afonso, Thainá Benites Teles
Orientador(a): Souza, Delma Perpétua Oliveira de
Coorientador: Guimarães, Lenir Vaz
Membro da Banca: Souza, Delma Perpétua Oliveira de
Membro da Banca: Scatena, João Henrique Gurtler
Membro da Banca: Barros, Marilisa Berti de Azevedo
Resumo : As doenças crônicas não transmissíveis estão presentes na sociedade pós-moderna, tornandose uma questão prioritária na agenda da saúde pública mundial. Porém, ainda são poucos os estudos sobre seu comportamento entre trabalhadores de instituições de ensino superior. Nesse sentido, o objetivo deste estudo foi identificar e analisar a prevalência das doenças crônicas não transmissíveis, como diabetes mellitus, hipertensão arterial, obesidade, dislipidemia e doenças cardiovasculares e os fatores a elas associados, tendo por objeto de estudo servidores da Universidade Federal de Mato Grosso - Campus Cuiabá. Trata-se de um estudo epidemiológico, de corte transversal, que teve por amostra 474 servidores, aos quais aplicou-se um questionário de auto-preenchimento anônimo. Foram realizadas análises descritivas e bivariadas, bem como medidas de associação brutas e ajustadas, por meio do cálculo da Razão de Prevalência (RP), com Intervalo de Confiança de 95%. Verificou-se que 50,7% dos servidores referiram possuir pelo menos uma DCNT, sendo essa com associação significativa em relação à idade cronológica, ao fato de ter ou não ter filhos e à baixa escolaridade. Em relação aos aspectos nutricionais, o tipo de alimentação adotada apresentou exposição às DCNT, sendo de maior prevalência o consumo de refrigerantes (RP= 1,47, IC 95% 1,05-2,06). Espera-se que este estudo venha subsidiar ações de prevenção e de incorporação de hábitos saudáveis, bem como a produção científica a ser socializada nos cursos de graduação e pós-graduação na disciplina Saúde do Trabalhador e, sobretudo, contribuir com a melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores universitários.
Resumo em lingua estrangeira: The non-contagious chronicle diseases are present in contemporary society becoming priority issue in the global health system agenda. However, there are still few studies about this behavior among workers from graduate school institutions. So, the aim of this article is to identify and to analyse the occurrence of the chronicle noncommunicable diseases diabetes mellitus, high blood pressure, obesity and heart diseases and the factors associated to them in workers from the Federal University of Mato Grosso – Cuiabá Campus. This is an epidemiological, transversal study that had 474 servers per sample, to which was applied a self-fulfilling anonymous questionnaire. Were performed Descriptive and bivariate analyzes, as well as association measures Crude and adjusted, via calculation of the Prevalence Ratio (PR), with confidence interval of 95%. It was found that 50.7% of the servers reported owning at least one NCD, which were present with significant association in relation to chronological age, to the fact of having or not having children and to a lower education. Regarding the nutritional aspects, the type of feeding adopted presented exposure to NCD, being the most prevalent the consumption of soda (PR= 1,47, CI 95% 1,05-2,06). It is expected that this study will subsidizes actions of prevention and the adoption of healthy habits, as well as the scientific production to be socialized in undergraduate and graduate courses inside the discipline Occupational Health and, particularly, contribute with improving the quality of life of university servers.
Palavra-chave: Doenças crônicas não transmissíveis
Saúde do trabalhador
Epidemiologia
Trabalhadores universitários.
Palavra-chave em lingua estrangeira: Noncommunicable chronic diseases
Occupational health
Epidemiology
University servers
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUC - Cuiabá
Departamento: Instituto de Saúde Coletiva (ISC)
Programa: Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva
Referência: AFONSO, Thainá Benites Teles. Prevalência de doenças crônicas não transmissíveis e fatores associados entre servidores da UFMT, Campus – Cuiabá-MT. 2013. 123 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Saúde Coletiva, Cuiabá, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ri.ufmt.br/handle/1/791
Data defesa documento: 18-Apr-2013
Aparece na(s) coleção(ções):CUC - ISC - PPGSC - Dissertações de mestrado

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISS_2013_ Thainá Benites Teles Afonso.pdf458.27 kBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.