Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufmt.br/handle/1/943
Tipo documento: Dissertação
Título: Narrativas silenciadas
Autor(es): Assunção, Admilson Mário de
Orientador(a): Passos, Luiz Augusto
Membro da Banca: Graciani, Maria Stela Santos
Membro da Banca: Barros Neta, Maria da Anunciação Pinheiro
Membro da Banca: Prudente, Celso Luiz
Membro da Banca: Passos, Luiz Augusto
Resumo : Este trabalho de pesquisa qualitativa procura-se descrever os significados do abuso e violência sexual cometida contra crianças e adolescentes do sexo masculino. Para isso utilizase como técnica de pesquisa a narrativa, que conta a história de vida de um jovem que teve sua infância furtada pelo abuso sexual intrafamiliar. Como metodologia busca-se na fenomenologia a forma de compreensão, partindo do pensamento do filósofo Maurice Merleau-Ponty, que subsidiou a compreensão dos fenômenos. E com o objetivo de refletir e provocar o debate sobre o abuso e violência sexual cometida contra crianças e adolescentes do sexo masculino, em geral, e descrever os significados do abuso e violência sexual narrada por um jovem, em especial. Este trabalho teve como problema: questionar e descrever como se dá o desenvolvimento de uma criança que foi abusada sexualmente, quais as consequências dessa violência no seu comportamento e na sua construção da identidade. Os resultados da pesquisa não possuem sentido objetivo, mas sim, encontram-se ancorados no olhar subjetivo do pesquisador que considera a particularidade e pessoalidade de cada sujeito vitimizado. Portanto, a construção identitária depende das formas como cada um as concebe e de suas experiências vividas. Cada um se constrói, a partir de si mesmo, com o outro e com mundo, numa tríplice relação existencial.
Resumo em lingua estrangeira: In this work, qualitative research seeks to describe the meaning of abuse and sexual violence against children and adolescent males. For it is used as a research technique the narrative, which tells the life story of a young man who had his childhood stolen by sexual abuse within families. The methodology seeks to phenomenology in the form of understanding, from the thought of the philosopher Maurice Merleau-Ponty, who contributed to the understanding of phenomena. And in order to reflect and provoke debate about the abuse and sexual violence against children and adolescent males, in general, and describe the meanings of sexual abuse and violence narrated by a young man, in particular. This study had the problem: question and describe how is the development of a child who was sexually abused, the consequences of such violence in their behavior and their identity construction. The survey results have no objective sense, but rather are anchored in the subjective eye of the researcher considers that the particular personality of each subject and victimized. Therefore, the construction of identity depends on how each conceives and his experience. Each one is built, from himself, and with the other world, a triple existential relationship.
Palavra-chave: Narrativas
Abuso e violência sexual
Fenomenologia
História de vida
Palavra-chave em lingua estrangeira: Narratives
Abuse and sexual violence
Phenomenology
History of life
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUC - Cuiabá
Departamento: Instituto de Educação (IE)
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Referência: ASSUNÇÃO, Admilson Mário de. Narrativas silenciadas. 2011. 102 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Educação, Cuiabá, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ri.ufmt.br/handle/1/943
Data defesa documento: 13-Dec-2011
Aparece na(s) coleção(ções):CUC - IE - PPGE - Dissertações de mestrado

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISS_2011_ Admilson Mário de Assunção.pdf1.26 MBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.