Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufmt.br/handle/1/1252
Tipo documento: Dissertação
Título: Análise espaço-temporal da malária no estado de Mato Grosso no período de 2003 a 2009
Autor(es): Bacani, Dirlene Ada
Orientador(a): Zeilhofer, Peter
Membro da Banca: Zeilhofer, Peter
Membro da Banca: Schwenk, Lunalva Moura
Membro da Banca: Barrozo, Ligia Vizeu
Resumo : Este trabalho visa identificar padrões espaciais da ocorrência de malária no Estado de Mato Grosso durante os anos de 2003 a 2009, bem como identificar a possível relação do risco de ocorrência da doença com fatores socioambientais, utilizando análises espaciais de varredura e regressão logística. O trabalho inicia-se com uma análise descritiva do perfil epidemiológico da ocorrência da malária na área de estudo. Posteriormente realizou-se análise exploratória espacial de detecção de clusters através do software SatScan, onde foram identificados aglomerados espaciais de baixo, médio e alto risco e também aglomerados espaço-temporais. Os municípios da microrregião de Aripuanã, região Noroeste do Estado, apresentaram-se como aglomerado de alto risco em todos os anos de estudo. Em seguida, para realização do modelo de regressão logística multivariada, foi construída uma tabela com dez variáveis socioambientais agregadas por município (fatores independentes), tendo-se como variáveis dependentes o Risco Relativo gerado pelo SatScan e o IPA(índice parasitário anual). O Risco Relativo não apresentou indicadores de desempenho satisfatórios para os diversos valores de corte atribuídos. As variáveis que apresentaram significância na maioria dos anos para o IPA foram: precipitação, total de área desmatada por município e taxa de emprego e renda. As variáveis ‘precipitação’ e ‘taxa de emprego e renda’ apresentaram coeficiente positivo, indicando que quanto maior seus índices, maior o IPA de malária. A variável ‘total de área desmatada’, ao contrário, teve coeficiente negativo, indicando que tão menor a área no município, maior o IPA.
Resumo em lingua estrangeira: This work aims to identify spatial patterns of occurrence of malaria in Mato Grosso during the years 2003 to 2009, as well as identifying the possible relationship of the risk of disease occurrence with environmental factors, using spatial analysis and logistic regression. The work begins with a descriptive analysis of the epidemiology of malaria occurrence in the study area. Subsequently held exploratory spatial analysis to detect clusters through software SatScan, which were identified spatial clusters of low, medium and high risk, and also space-time clusters. The municipalities of the microregion of Aripuanã, Northwest of State, presented themselves as high-risk clusters in all years of study. Then, to perform the multivariate logistic regression model was constructed a table with ten environmental variables aggregated by municipality (independent factors), taking as dependent variables the relative risk generated by SatScan and API (Annual Parasitic Index). The relative risk did not show satisfactory performance indicators for different cutoff values assigned. The variables that were significant in most years for API (Annual Parasitic Index) were: precipitation, total deforested area by municipality and the employment rate andincome. The variables 'precipitation' and 'employment rate and income' showed positive coefficient, indicating that the higher their rates, higher API of malaria. The variable 'total area deforested', on the contrary, had a negative coefficient, indicating that lower as the deforested area in the municipality, greater is the Annual Parasitic Index of malaria.
Palavra-chave: Malária
Análise espacial
Geoprocessamento
Palavra-chave em lingua estrangeira: Malaria
Spatial analysis
Geoprocessing
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUC - Cuiabá
Departamento: Instituto de Ciências Humanas e Sociais (ICHS)
Programa: Programa de Pós-Graduação em Geografia
Referência: BACANI, Dirlene Ada. Análise espaço-temporal da malária no estado de Mato Grosso no período de 2003 a 2009. 2013. 99 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Cuiabá, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ri.ufmt.br/handle/1/1252
Data defesa documento: 22-Aug-2013
Aparece na(s) coleção(ções):CUC – ICHS – POSGEO – Dissertações de mestrado

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISS_2013_Dirlene Ada Bacani.pdf4.15 MBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.