Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufmt.br/handle/1/350
Tipo documento: Dissertação
Título: O insólito em Murilo Rubião : uma análise estilístico-comparativa d’O ex-mágico da Taberna Minhota
Autor(es): Aguiar, Marcela de Castro Ávila
Orientador(a): Reis, Célia Maria Domingues da Rocha
Membro da Banca: Reis, Célia Maria Domingues da Rocha
Membro da Banca: Mello, Franceli Aparecida da Silva
Membro da Banca: Goulart, Audemaro Taranto
Resumo : Nesta pesquisa investigamos o estilo literário de Murilo Rubião, considerado pela crítica como pertencente à literatura fantástica. Após leitura dos contos do autor, pesquisa da sua fortuna crítica e de leituras crítico-teóricas acerca da literatura fantástica, dos primórdios ao contemporâneo, concluímos que as narrativas de Murilo Rubião correspondem ao insólito banalizado. Tendo em perspectiva esse conceito, centramos a pesquisa na análise comparativa extrínseca e intrínseca de três versões do conto “O ex-mágico da Taberna Minhota”, respectivamente, com base na teoria da modernidade líquida, de Zygmunt Bauman, e da estilística literária, de Dámaso Alonso, e da língua portuguesa, de Nilce Sant’Ana Martins. As obras do linguista José Lemos Monteiro e dos gramáticos, José Carlos de Azevedo e Napoleão Mendes de Almeida, também constituíram fontes bibliográficas importantes para esta análise estilística. Desse modo, foi-nos possível afirmar que o autor antecipou características da sociedade contemporânea – como a diluição da identidade do sujeito – e também refletiu sobre a função da literatura.
Resumo em lingua estrangeira: The present study investigates the literary style of Murilo Rubião, whose work is considered by the critic as fantastic literature. After reading all the author’s short stories, having a deep look into his critical fortune and having critical-theoretical reading of fantastic literature, from its beginnings up to contemporary times, we concluded that his narratives correspond with the trivialized uncommon. Keeping this concept in perspective, we focused our research on the comparative analysis both extrinsic and intrinsic of three versions of the short story “The ex-magician of Minhota Tavern”, basing, respectively, on the theory of liquid modernity from Zigmunt Bauman, on the literary stylistic from Damaso Alonso and on portuguese language stylistic from Nilce Sant’Ana Martins. Other important bibliography sources to such stylistic analysis are the work of linguist José Lemos Monteiro and grammarians José Carlos de Azeredo e Napoleão Mendes de Almeida. Hence, we concluded that the writer Murilo Rubião not only anticipated characteristics of contemporary society in his work – such as the dilution of the subject identity – but also reflected about the very role of literature.
Palavra-chave: Conto fantástico brasileiro
Murilo Rubião
Insólito banalizado
Palavra-chave em lingua estrangeira: Brazilian fantastic short story
Murilo Rubião
Trivialized uncommon
CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUC - Cuiabá
Departamento: Instituto de Linguagens (IL)
Programa: Programa de Pós-Graduação em Estudos de Linguagem
Referência: AGUIAR, Marcela de Castro Ávila. O insólito em Murilo Rubião: uma análise estilístico-comparativa d’O ex-mágico da Taberna Minhota. 2014. 96 f. Dissertação (Mestrado em Estudos de Linguagem) - Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Linguagens, Cuiabá, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ri.ufmt.br/handle/1/350
Data defesa documento: 28-Apr-2014
Aparece na(s) coleção(ções):CUC - IL - PPGEL - Dissertações de mestrado

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISS_2014_Marcela de Castro Ávila Aguiar.pdf5.92 MBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.